Porto e Norte

Nascem que nem cogumelos: Penafiel tem mais um baloiço turístico com vista para o rio | Baloiço da Ponte do Canal | Abragão – Penafiel

 

Vocês já sabem, sou uma verdadeira papa-baloiços… Sempre que vejo um novo estou pronta para ir lá visitar. É um vício como outro qualquer… Quando não ficam longe de casa, como é o caso deste, que fica no concelho de Penafiel, na freguesia de Abragão, então é certinho. Não me escapa!

É uma moda, como outra qualquer, que apesar de já durar há mais de um ano, continua em grande. Os baloiços nascem que nem cogumelos e daqui a pouco “não há placa nenhuma em Portugal que indique uma terra na qual não…” exista um baloiço. Poucas pessoas vão entender a frase entre aspas, mas deixem lá. 

Iniciativa da junta de freguesia, este baloiço tem uma vista maravilhosa para o rio Tâmega e ainda é um espaço desconhecido para a maioria das pessoas. Não há filas e apenas nos cruzamos com uma pessoa enquanto lá estávamos (muito diferente do cenário encontrado no Baloiço de Vila Nova de Cerveira, como vos contamos aqui). O baloiço tem a estrutura normal dos baloiços turísticos, no entanto, embora confortável não baloiça tanto como o normal, talvez devido à escolha das cortas que o prendem demasiado. Foi o mais difícil de todos a nível de “baloiçar”, mas no requisito beleza da vista, está no top.

Porquê Baloiço da Ponte do Canal?

O baloiço está entre as duas pontes do Canal, a nova que liga Abragão a Vila Boa do Bispo, e a antiga que não se vê, por estar no fundo do rio. Após ser feita a barragem do Torrão, as águas do Tâmega inundaram vários quilómetros de terra, incluindo a antiga ponte que permanece no meio das águas do rio. A ponte original, projetada pelo Eng.º Edgar Cardoso e inaugurada em 1949, foi então substituída pela nova ponte, junto à qual podemos encontrar o Baloiço.

Como chegar:


Junto à ponte do Canal, na margem direita do Tâmega, na Rua de Amieiro, Abragão, no concelho de Penafiel.

Se vocês adoram baloiços, há muito conteúdo neste blog para vocês:

Baloiço do Bestança

Baloiço de Nossa Senhora da Luz

Baloiço do Seminário Maior de Coimbra

Baloiço de São Gens

Leia também

3 Comments

  1. Cidália Ferreira says:

    Este ano vi que muita gente visitou esse lugar! Muito interessante! 🙂

    O cheiro da rosa oferecida…

    Beijo, e uma excelente semana.

  2. C. Correia says:

    Ainda não encontrei nenhum baloiço por aí mas estou doida para os conhecer e acho que é uma moda bem gira e cheia de amor!
    Adorei a "entrada para o céu" Ahah

    Beijinhos!

  3. O último fecha a porta says:

    Lousã deu o pontapé de saída, ou pelo menos, é o mais conhecido ou "instagramável" 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.